O Instituto Ambiental do Paraná (IAP) vai atuar em conjunto com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para definir o valor da multa que será aplicada na empresa América Latina Logística (ALL) devido ao acidente – seguido de incêndio – com trem da empresa, na última terça-feira, no município de Ortigueira.

O auto de infração deverá ser lavrado pelo Ibama, após as análises do laudo de impacto ambiental realizados pelo IAP, por se tratar de área federal. O acidente ocorreu dentro da reserva indígena de Queimadas, supervisionada pelo governo federal, através da Funai.

Em análise superficial, o IAP já detectou a infiltração de álcool em um hectare de solo e está colhendo amostras para avaliar os impactos ambientais causados. O instituto também solicitou que a Emater realize coletas em locais e profundidades diferenciadas onde houve queima do produto. Os laudos deverão ficar prontos em dez dias. Somente a partir dessa análise é que a empresa poderá ser autuada.