Filas e decepção marcaram o dia de inscrições para o curso de inglês nível I do Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin) da Universidade Federal do Paraná (UFPR), que aconteceu apenas ontem. Como já é tradicional no início de cada semestre, centenas de pessoas enfrentaram fila para tentar garantir uma das vagas. Algumas chegaram de madrugada para tentar um dos lugares em uma das nove turmas disponíveis, que foram preenchidas em poucas horas.

?Foi uma chateação. Cheguei às 8h30 e esperei na fila até 11h, quando então fui avisada que não havia mais vagas?, conta a estudante Evelin Lopes dos Santos, 16 anos. Aluna de um colégio estadual, Evelin diz que a única forma de poder bancar um curso de línguas é no Celin. ?O jeito é tentar vir mais cedo no próximo semestre?, diz.

Mesmo problema teve o universitário Thiago José da Luz, 20. ?Avisaram que precisava chegar cedo, mas não imaginei que iria ter tanta gente para fazer a inscrição?, afirma. Ele também ficou mais de duas horas na fila e não conseguiu uma das vagas. ?Fiquei na lista de espera para ver se alguém desiste. Mas acho complicado?, conta.

A coordenadora do Celin, Mariza Alves de Almeida, explica que o primeiro nível do curso de inglês é o maior do centro, mas que ficou surpresa com a quantidade de gente que procurou por uma vaga ontem. ?Infelizmente não podemos atender a todos. O Celin é uma escola de aplicação, onde os professores são graduandos dos cursos da UFPR e precisam de acompanhamento. Já temos o número máximo de alunos por turma para que possamos manter a qualidade do ensino?, explica. Mesmo assim, a coordenadora admite que a coordenação vai estudar a possibilidade de criar mais turmas ainda para este semestre.

Hoje acontecem as inscrições para os demais níveis de inglês oferecidos pelo centro. O atendimento começa às 8h30, no quarto andar do edifício da Reitoria, na Rua Dr. Faivre, 450. Para os cursos de 60 horas, o semestre custa R$ 360,00. Para os de 45 horas, R$ 270,00 e os cursos de 30 horas custam R$ 180,00. O Celin oferece ainda cursos de alemão, francês, espanhol, italiano, yorubá, latim, esperanto, grego, hebraico, chinês, árabe, japonês, entre outros. Cada curso tem uma data para matrícula.