Já passam de 1,5 mil os casos de veranistas queimados por águas-vivas no Litoral do Paraná. Entre os dias 31 de dezembro e 3 de janeiro, foram registrados 1.139 pessoas queimadas nas praias do estado – um aumento de 100% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o Corpo de Bombeiros registrou 604 casos. Nesta temporada – que começou no dia 19 de dezembro -, foram 1.580 pessoas queimadas por águas-vivas no litoral do estado.