O Ministério da Saúde confirmou o envio de mais 251.640 vacinas contra a Covid-19 ao Paraná nesta terça-feira (28). Serão 195.390 doses da Pfizer/BioNTech e 56.250 da AstraZeneca/Fiocruz.

LEIA TAMBÉM:

> Curitibanos que tomariam 2ª dose da Astrazeneca nesta segunda perdem a viagem após falha em app

“Em um ano, seremos capazes de voltar à vida normal”, diz diretor da Pfizer

> “Caipiras fake”: Associação no Paraná faz alerta contra ovo e frango falsificados

Os imunizantes da Pfizer são divididos em 45.630 doses para reforço da população acima de 70 anos que tenha tomado a segunda dose entre 21 e 31 de março; 11.700 para primeira dose (D1) em adolescentes, gestantes e puérperas e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas (privados de liberdade) e 138.060 para D2 referente à 35ª pauta.

Já as vacinas da AstraZeneca são destinadas exclusivamente para D2 da 31ª pauta (de meados de julho).

As vacinas serão enviadas em dois voos. O primeiro (LA 3878), com os imunizantes da Pfizer, aterrissa no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, à 0h20. O voo AD 4193 com as vacinas da AstraZeneca deve chegar ao Estado às 10h05.

As doses serão encaminhadas para o Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar) para conferência e armazenamento até que sejam distribuídas para as Regionais de Saúde.

Este é o segundo lote do Ministério da Saúde com doses exclusivas para a imunização de adolescentes. De acordo com os dados do Vacinômetro nacional, o Paraná já aplicou 27.479 vacinas no público de 12 a 17 anos. Quanto às doses de reforço, 21.525 vacinas foram aplicadas no Estado.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba