O restaurante Madero, uma das empresas mais conhecidas do Paraná, teve 19% de suas ações vendidas a um grupo português do setor. A reportagem do Paraná Online entrou em contato com a assessoria de imprensa da empresa, mas o nome do comprador ainda não pode ser relevado.

Atualmente, o Madero tem 32 lojas espalhas em todo o Brasil e programa a abertura de 15 novas unidades.

Trabalhadores

Paralelo às negociações da empresa, 266 ex-funcionários conseguiram na Justiça uma indenização por não receberem os 10% cobrados de clientes da rede de restaurantes.  Garçons que ainda trabalham para o chef Júlio Durski também devem ser beneficiados pela decisão da 1ª Vara do Trabalho de Curitiba.