O Parque das Aves, em Foz do Iguaçu, Oeste do Paraná, foi fechado para visitação até a próxima sexta-feira (12). A medida foi tomada depois que duas onças pintadas atacaram flamingos nesta madrugada de terça-feira (9). O parque tinha 176 flamingos no total e 172 foram mortos. Segundo a administração do local, mãe e filhote pularam a cerca e entraram no abrigo dos flamingos chilenos e africanos, que chegaram resgatados de outra região. O Parque das Aves nunca havia registrado um ataque de onças nos 27 anos de fundação.

LEIA TAMBÉM:

>> Polícia Civil promete dobrar atendimentos presenciais para confecção de RG em Curitiba

>> Tão esperada ponte de Guaratuba vai demorar quanto tempo? Entenda!

Ao jornal Meio Dia Paraná, a diretora de engajamento e sustentabilidade do Parque das Aves, Luciana Leite, informou que a equipe da unidade está investigando a morte dos flamingos. “É muito comum em aves o que a gente chama de miopatia de captura, diante de uma situação de estresse presenciada, esses animais vem a óbito mesmo sem serem atacados diretamente por uma onça. É importante comunicar isso. Ainda estamos fazendo o trabalho de autópsia para entender quantos animais tiveram essa interação direta com os felinos e quantos vieram a óbito por miopatia”, explicou a coordenadora, ao Meio Dia Paraná.

A administração também informou que não vai divulgar imagens do ataque. O parque conta com sistemas de proteção aos predadores por ser integrado ao Parque Nacional do Iguaçu.

De acordo com o histórico do parque, os primeiros flamingos foram trazidos em 1995, após serem resgatados do Chile. Os primeiros filhotes nasceram em 2001.

Web Stories

Novidades!

Filmes e séries que chegam à Netflix nesta semana

De olho!

Previsão do tempo para Curitiba nesta segunda-feira!

Um Lugar ao Sol

Ravi é acusado de roubo e detido equivocadamente

Hummm….

Conheça o elenco principal de “Um Lugar ao Sol”