Desde a tarde de ontem, agentes de trânsito da Urbanização de Curitiba S.A.(Urbs) estão orientando os motoristas que passam pelas ruas Euclides da Cunha e Desembargador Costa Carvalho, entre os bairros Batel e Bigorrilho.

As vias agora têm sentido único em um trecho de cinco quadras, formando um novo binário. De acordo com a prefeitura, a mudança ocorre entre a Rua Júlia da Costa e a Avenida Vicente Machado.

No trecho reestruturado, a Rua Euclides da Cunha passa a ter mão única no sentido Bigorrilho/Batel, ou seja, da Júlia da Costa até a Vicente Machado. Para quem faz o caminho contrário, o tráfego será feito pelas ruas Desembargador Costa Carvalho e sua continuação, a General Aristides Athayde Júnior, com sentido da Vicente Machado para a Júlia da Costa.

A Urbs informa que o motorista que passar pela Euclides da Cunha deve ficar atento a dois novos semáforos implantados nos cruzamentos com a Alameda Dr. Carlos de Carvalho e na Avenida Vicente Machado.

O novo binário integra um conjunto de medidas que a Urbs vem implantando nos últimos meses com o objetivo de melhorar a fluidez do trânsito na cidade. “Essa é uma medida necessária para adequar o sistema viário da cidade ao crescimento da frota de veículos”, explica a gestora de Operação do Trânsito da Diretoria de Trânsito da Urbs (Diretran), Guacira Civolani.

Segundo a gestora, a mudança deve proporcionar mais agilidade para o motorista que segue do Batel até o Parque Barigui ou ao bairro Mossunguê. Nesse caso, o motorista pode seguir pela Costa Carvalho e virar à esquerda na Rua Júlia da Costa e, em seguida, entrar à direita na Euclides da Cunha até chegar à Padre Agostinho. “Isso pode significar economia de tempo, já que, se fosse pela Martin Afonso, o desvio seria de quatro quadras até chegar à Padre Agostinho”, conta.

Guacira conta que pode haver transtornos durante os primeiros dias de operação no novo binário, já que é necessário uma adaptação no itinerário dos motoristas. De acordo com a Urbs, também estão previstos a criação de binários formados pelas ruas João Bettega e Luiz Parigot de Souza, no Portão, e Avenida dos Estados e Rua Amazonas, no Água Verde; ainda não há, porém, data definida para implantação.