Os oficiais de Justiça do Paraná farão uma manifestação, às 10h desta quinta-feira (22), em frente ao Fórum Cível de Curitiba. Eles reclamam da falta de segurança e dos riscos da profissão.

De acordo com os oficiais, os casos de agressão, durante o cumprimento de mandados, têm se repetido cada vez mais. Os servidores exigem o acompanhamento da polícia, principalmente nas investidas que oferecem riscos à integridade.

Eles lembraram que, há duas semanas, dois oficiais foram agredidos por populares durante a busca e apreensão de um veículo. “O proprietário não aceitou entregar o carro e agrediu os servidores, com ajuda de amigos”, relatou Mário Cândido de Oliveira, diretor da Associação dos Oficiais de Justiça do Estado do Paraná (Assojepar). “Não podemos deixar que esses riscos virem a rotina da profissão”, acrescentou.