O secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, adiantou nesta quarta-feira (14), que o Paraná deve receber, entre esta quarta, quinta (15) ou no mais tardar manhã de sexta-feira (16) um pouco mais de 200 mil doses. Segundo ele, esse atraso infelizmente é um processo do governo federal, responsável pela distribuição das vacinas aos estados. Curitiba, por exemplo, está há dois dias consecutivos com pontos de vacinação fechados por falta de doses.

“Gostaríamos de estar vacinando muito mais, mas é um processo das vacinas adquiridas pelo Governo Federal. Gostaríamos que fosse numa quantidade maior, mas assim que as doses chegarem, os municípios vão vacinando”, disse o secretário em entrevista ao Bom Dia Paraná, na RMC, desta quarta-feira.

Em junho o governo do Paraná prometeu que iria vacinar o público de 18 a 59 anos de idade, não contemplado nos grupos prioritários, formado por 8.736.014 pessoas, pelo menos até 30 de setembro. inclusive com um calendário de vacinação. Segundo Beto Preto, esta conta ocorreu com base em eventuais falhas nas disponibilização das doses, provenientes do Ministério da Saúde.

“O calculo foi feito em cima da possibilidade de intercorrências como esta estamos tendo. Então nós temos espaço, sim, para receber as doses, em junho, até agora já recebemos 800 mil doses”, disse, Segundo Beto Preto, o ministro Queiroga disse que vai disponibilizar 41 milhões de doses em todo o Brasil, sendo que o Paraná tem direito a 5% disso, o que corresponde a 2 milhões de doses até 31 de julho.

“Fatalmente temos que receber, pela conta do próprio ministro da saúde, mais de 1,2 milhão de doses pra fechar os 2 milhões de doses. Vamos bater a meta daquilo que foi planejado, calendário está mantido e claro, intercorrências e obstáculos podem ocorrer”, ressaltou.

Novas doses vacina Curitiba

Segundo Beto Preto, assim que as novas doses de vacina chegaram ao Aeroporto Afonso Pena serão levadas ao Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar), em Curitiba. Desta forma, as doses destinadas para Curitiba já serão entregues e, possivelmente, definidas como serão aplicadas.