A manhã de quarta-feira tensa no Centro Cívico: professores da rede estadual de ensino caminham em direção à Assembleia, descendo a Barão do Carro Azul. A PM mobilizou mais de 1 mil policiais para barrar a entrada dos manifestantes, que querem acompanhar a votação da lei do sistema do Fundo Previdenciário do Paraná Previdência.

Os manifestantes querem colocar o caminhão de som da APP-Sindicato na Cândido de Abreu, mas a tropa de choque impede que o veículo avance. A PM movimentou um ônibus da corporação para fechar o acesso ao caminhão. Houve tensão porque manifestantes deitaram no chão para fazer o ônibus.

Os professores esperam mobilizar 20 mil integrantes da categoria, vindo de vários núcleos sindicais do interior, para ocupar a Praça Nossa Senhora de Salete. Ontem, houve confronto entre policiais e manifestantes. Pelos menos 13 professores ficaram feridos.

Orientação

O APP-Sindicato tem orientado os manifestantes a ficarem na rua, em frente à Assembleia e não se dispersatem para os arredores do prédio.