As Polícias Rodoviárias Estadual e Federal iniciam, nesta sexta-feira (11), a Operação Proclamação da República.

Ao longo de cinco dias, até a meia-noite da próxima terça-feira (15), a PRF intensificará as ações de policiamento ostensivo nos trechos com maior índice de acidentes. No Paraná, a PRF é responsável por quatro mil quilômetros de rodovias. Entre os focos da fiscalização da PRF estão o controle de velocidade através de radares, o combate à embriaguez ao volante e as ultrapassagens irregulares.

Durante o feriado prolongado, a previsão é de que o fluxo de veículos suba em torno de 30% em relação à média diária, nas rodovias federais.

Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF

O pico de movimento na saída para o feriado deve se concentrar entre o fim da tarde e início da noite de sexta-feira e durante a manhã de sábado. O retorno deve ter um fluxo maior ao longo da tarde e no início da noite de terça-feira.

Estaduais

As seis companhias do Batalhão de Polícia Rodoviária  atuarão para intensificar as atividades nos mais de 12 mil km de rodovias estaduais do Paraná, devido ao aumento no fluxo de pessoas que seguem para o Litoral e Interior do estado.

De acordo com o porta-voz do Batalhão, tenente Conrado de Oliveira Nogueira, as equipes policiais farão testes de etilômetro (bafômetro), bloqueios em locais pré-definidos, atividades rotineiras de verificação de documentação e de infrações de trânsito rodoviário, além de utilizarem radares para o controle de velocidade e outras ações preventivas.

Os principais objetivos são inibir a embriaguez ao volante, a ultrapassagem em local proibido e o excesso de velocidade, principais causadores de acidentes fatais.

Multas mais caras

Este será o primeiro feriado desde o reajuste dos valores das multas de trânsito, em vigor desde o começo de novembro. Congelados havia 16 anos, os valores das multas foram reajustados em percentuais que variam de 53% a 66%. A multa por dirigir embriagado, por exemplo, passou de R$ 1.915 para R$ 2.934.

 

Equipes da PRF também farão palestras educativas, nas estações rodoviárias, para orientar os passageiros acerca da importância do uso de cinto de segurança nos ônibus de viagem.

Restrições de tráfego

O tráfego de caminhões bitrem, veículos com dimensões excedentes e caminhões cegonha será proibido, nos trechos de pista simples das rodovias federais, das 16 horas até a meia-noite desta sexta-feira (11), durante toda a manhã de sábado e das 16 horas à meia-noite de terça-feira (15).

Essa restrição tem como objetivo aumentar a fluidez do trânsito e evitar acidentes.

A PRF enviou ofícios às concessionárias de pedágio proibindo a execução de obras durante o feriado prolongado, exceto aquelas emergenciais ou impossíveis de serem interrompidas.