A falta de atenção com a sinalização por pouco não causou grave acidente na manhã desta segunda-feira (20) no Alto da Glória. Michael Diego da Silva Marques, de 25 anos, bateu a moto que pilotava em um biarticulado no cruzamento da Avenida João Gualberto com a Rua Mauá.

“Ele seguia no mesmo sentido que eu, em direção ao Centro, quando virou à esquerda. Vi que ele virou e consegui jogar o ônibus para o lado para não passar por cima dele, senão teria sido fatal”, disse Anderson Gonçalves, motorista do ônibus.

Com a força da batida, o para-choque do ônibus chegou a quebrar. Michael teve uma fratura no tornozelo e na clavícula.

O biarticulado, da linha Santa Cândida – Capão Raso, estava lotado. Por causa da freada, duas mulheres, uma de 20 e uma de 48 anos, ficaram feridas. Os três foram encaminhados ao hospital e apenas o motociclista com ferimentos mais graves, mas ainda assim sem risco de morte.

Por causa do acidente o trânsito na região ficou complicado. Os biarticulados tiveram de desviar pela Avenida João Gualberto. O fluxo foi orientado por policiais militares.