Com a greve dos correios, o consumidor de Londrina deve ficar atento com os prazos para recebimentos de faturas. O alerta foi anunciado pelo coordenador do Núcleo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Londrina, Flávio Caetano Henrique de Paula, depois que os funcionários dos Correios, decidiram aderir à greve da categoria.

De acordo com Flávio Caetano é importante que o consumidor não espere chegar o dia do vencimento para buscar informações sobre seus débitos. "Ao perceber que as correspondências não estão chegando em casa, é preciso entrar em contato com a empresa responsável para evitar o pagamento de juros", alertou.

Ainda segundo o coordenador do Procon, a empresa é a responsável para buscar alternativas para que as cobranças cheguem nas residências em tempo hábil para a realização do pagamento, no entanto nem todas fazem isso. "Existem várias empresas que não cobram juros quando é comprovada a greve, mas é comum o consumidor ser surpreendido com pagamentos extras", explicou.

De acordo com as informações do coordenador do Procon, cerca de 80% dos funcionários dos Correios estão em greve.