Depois da iniciativa da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) de disponibilizar em seu site o nome dos condutores do Paraná que estão com a carteira de habilitação suspensa, agora um cadastro nacional de infrações, crimes e acidentes de trânsito, com nomes dos motoristas e também de seus instrutores, examinadores e auto-escolas, também será colocado em prática.

O cadastro está previsto num projeto do deputado federal Ratinho Junior (PSC-PR), que foi aprovado esta semana pela Câmara Federal. Agora o projeto segue para o Senado, e deve ser votado em caráter de urgência. O cadastro deverá funcionar em um site.

A relatora do projeto, deputada federal Rita Camata (PMDB-ES) excluiu do texto a punição criminal dos instrutores e examinadores pelos atos cometidos pelos motoristas aprovados por eles.