Desenvolver uma cultura voltada à paz é o objetivo da Rede Internacional de Educação para a Paz (Unipaz). Fundada em 1977, na França, a entidade chegou ao Brasil em 1987, fixando sua sede em Brasília (DF). Está presente no Paraná desde 2001, com unidades em Curitiba, Londrina e São Mateus do Sul. No próximo ano, uma nova unidade deve ser inaugurada na cidade de Foz do Iguaçu, na região Oeste.

Sem vínculos políticos ou religiosos, a Unipaz oferece cursos que podem ser freqüentados por pessoas de idades variadas e ligadas a diversos setores profissionais. No momento, dois estão sendo oferecidos na capital: Formação Holística Abordagem Transdisciplinar e Formação para Jovens Líderes, voltado a crianças e adolescentes.

Os cursos têm duração de dois anos e, no final, os alunos recebem um certificado de participante de uma cultura de paz e não violência. “Acreditamos que a paz começa pela gente mesmo. Por isso, abordamos o assunto sobre três ecologias: pessoal, que é a pessoa com ela mesma; social, que é a pessoa em relação aos outros; e planetária, que e a sintonia adquirida com o mundo onde se vive”, explica a presidente da Unipaz, Janete Áurea Duprat.

A entidade acredita que a paz é uma conquista que começa dentro da mente do próprio homem. Por isso, suas atividades tentam fazer com que os participantes comecem a se inserir dentro desta visão. Uma vez ao mês, é realizado um evento chamado “Artes de Viver a Vida” também voltado à cultura da paz, e permanentemente são oferecidos cursos de yoga. Em 2005, estarão disponíveis à população os cursos Formação Transpessoal para Classe Médica e Pessoal de Saúde e Formação de Instrutores de Yoga, além de alguns cursos de pós-graduação.