O Governo do Paraná decidiu ampliar a capacidade permitida de público em eventos abertos e fechados em todo o Paraná. Em decreto publicado no Diário Oficial na sexta-feira (29), encontros em espaços abertos com capacidade máxima de lotação de 80% do previsto para o local, não podendo exceder o limite de 15 mil pessoas. Já os eventos em locais fechados a lotação máxima são de 70% da capacidade do complexo, também com a obrigatoriedade de não ultrapassar 15 mil pessoas. A normativa entra em vigor a partir de segunda-feira (1º) até 16 de novembro, quando o comitê estadual de saúde reavaliará o cenário da doença.

A mudança ocorre após análise do cenário epidemiológico com a redução nos números da pandemia da Covid-19.  O número de mortes reduziu 31,8%, internações de 20,5% e casos confirmados de 51,3%.

LEIA TAMBÉM:

>> Curitiba vacina com dose de reforço idosos até 68 anos na próxima quarta-feira

>> Curitiba ganha novo hospital do SUS que promete atender 7 mil consultas ao mês

Vacinômetro

Segundo o Vacinômetro do Sistema Único de Saúde (SUS), o Estado aplicou 15.802.787 doses de vacinas contra a Covid-19. Dessas, 8.575.306 são relativas à primeira dose (D1), 6.846.699 são segundas doses (D2) ou doses únicas (DU), 366,6 mil doses de reforço (DR) e 37,7 mil doses adicionais (DA) em imunossuprimidos.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde nesta sexta-feira (29), o Paraná soma 1.546.458 casos confirmados da doença e 40.268 óbitos. Há 357 pacientes internados, uma redução de 20,5% em relação há duas semanas. São 289 em leitos SUS (159 em UTIs e 130 em clínicos/enfermarias) e 68 em leitos da rede particular (42 em UTIs e 26 em clínicos/enfermarias).

Web Stories

Data certa!

Veja quando montar sua árvore de Natal em 2021

Boooooo!

Halloween: veja como fazer uma abóbora, maquiagem e fantasias para a festa

Carinha de Anjo

Flávio diz para Murilo que sabe aonde está sua filha

Bora experimentar!

Cinco bebidas pra você experimentar na Starbucks de Curitiba