A massa salarial dos metalúrgicos de Curitiba e região nos últimos quatro anos injetaram R$ 2.393.902.702,47 na economia do Paraná. A analise é do Departamento Intersindical de Estudos Sócio Econômicos (Dieese-PR).

De acordo com o Dieese-PR, os metalúrgicos apresentam uma das maiores massas salariais do Estado. “Todos os anos são injetados milhões no comércio e na prestação de serviços através destes trabalhadores”, ressalta o economista Sandro Silva.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba, Sérgio Butka, diz que os empresários devem observar melhor o reflexo do avanço salarial dos trabalhadores nos seus próprios negócios. “Ao conquistar melhores salários pensamos o quanto vai melhorar a vida do trabalhador e esquecemos o quanto ele pode injetar no comércio, desde uma pequena mercearia até uma grande rede de supermercados, por exemplo”.