Paulo Pimentel, Cláudio Santos
e Júlio César Casares.

O Sistema Brasileiro de Televisão (SBT) promoveu ontem, juntamente com o Grupo Paulo Pimentel (GPP), uma reunião entre diretores da emissora e os representantes das agências de publicidade de Curitiba para mostrar a tendência de crescimento da rede de televisão. O grupo tem quatro afiliadas do SBT no Paraná: TV Iguaçu (Curitiba), TV Tibagi (Apucarana), TV Naipi (Foz do Iguaçu) e TV Cidade (Londrina). Além de representantes nacionais e estaduais da emissora, esteve presente o diretor licenciado do GPP, Paulo Pimentel.

Segundo o diretor-superintendente de rede do SBT, Júlio César Casares, o encontro com o mercado publicitário teve como objetivo mostrar os números do crescimento da emissora. “Queremos estar próximos deles e apresentar a nossa potencialidade de audiência”, comenta.

O diretor nacional de vendas da emissora, Cláudio Santos, conta que atualmente o SBT detém 20% do mercado publicitário, contra 24% da audiência. “A percentagem de publicidade está aquém da audiência. Nós pretendemos equiparar esses dois índices”, afirma. A expectativa é conseguir um aumento de 20% nos investimentos publicitários.

Durante o evento, também foram apresentadas as novidades da programação do SBT. De acordo com Daniel Pimentel Slaviero, diretor das televisões do GPP, foram lançados o pacote de filmes dos estúdios Disney, Warner e MGM; o programa do apresentador Carlos Massa, o Ratinho, aos domingos; o seriado Meu Cunhado, com Ronald Golias e Moacir Franco; e programas de dramaturgia, como a novela Seus Olhos.

Recentemente, o Grupo Paulo Pimentel lançou, em rede estadual, o programa GPP Rural, voltado às pessoas que trabalham no campo. “O SBT está realizando mudanças na estrutura comercial visando buscar maior participação. Isso reflete aqui no Paraná porque estamos preparando uma estrutura de atendimento que dê suporte à rede. Um bom desempenho do SBT em São Paulo reflete em um bom desempenho aqui”, explica.