O julgamento do mandado de segurança que garantiria o repasse de material reciclável de diversas empresas de Foz do Iguaçu aos catadores de papel do município foi adiado ontem para a próxima sessão do Tribunal Regional do Trabalho da 9.ª Região.

O novo julgamento pode acontecer na próxima segunda-feira ou no dia 1.º de setembro. O termo de compromisso firmado pelo Ministério Público do Trabalho com mais de 800 empresas começou a ser discutido em 2005. No fim do ano passado, empresários contrários à medida ganharam uma liminar que suspendeu o acordo.