Engenheiros e arquitetos com até três anos de formação acadêmica participaram ontem da aula inaugural do curso de Residência Técnica e Especialização em Obras Públicas, promovido pela Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop) em conjunto com a Universidade Federal do Paraná (UFPR). Profissionais que já pertencem ao quadro da secretaria também participam da especialização. O curso terá duração de dois anos e conta com 107 inscritos. Desses, 48 serão residentes.

Os alunos da residência técnica vão acompanhar todas as atividades realizadas pela secretaria, desde a formulação dos projetos e vistorias até a finalização das obras empenhadas pelo governo do Estado. Além das aulas práticas, orientadas por profissionais que trabalham na Seop, os participantes obterão informações sobre as matérias do curso pela internet.

O secretário de Estado de Obras Públicas, Luiz Caron, explica que um dos diagnósticos feitos quando assumiu o órgão foi a má qualidade da obra pública. Isso acontecia por várias razões, entre elas a falta de atualização e capacitação dos profissionais. ?Hoje, o aprendizado técnico deve ser constante. Em reunião com os profissionais, vimos as demandas e contratamos a UFPR para formular o curso de pós-graduação?, relata.

Ele comenta que também existe a falta de capacitação nos prestadores de serviços e, por isso, optou-se em trabalhar com os jovens, para que tenham uma ferramenta extra para o mercado de trabalho. ?Eles farão o curso de pós-graduação e a residência técnica, ou seja, aulas práticas. Vão acompanhar todo o processo envolvido nas obras?, explica Caron. Entre os aprendizados está a legislação aplicada da área, como noções de direito administrativo, processos de licitação e Lei de Responsabilidade Fiscal.

O secretário revela que um dos objetivos do curso é estimular o empreendedorismo, para que os jovens usem os novos conhecimentos também para montar empresas próprias. Eles receberão auxílio do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE).