O Exercício de Emergência Aeronáutica Completo (Exeac) 2012, quebrou a rotina dos passageiros que passaram pelo Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na tarde de ontem. Fogo, helicóptero, ambulâncias e aproximadamente 200 pessoas mobilizadas reproduziram o cenário de caos.

Além de parte do Curso de Voluntários de Emergência promovido pela Infraero, com duração de uma semana, a simulação, feita desde a década de 80, também testa o plano de emergência do aeroporto. Nos últimos cinco anos, instrutores do Samu participam do treinamento prático e teórico. “É uma oportunidade de repassar conhecimento e treinar a capacidade de liderança dos nossos médicos nas chamadas ações de múltiplas vítimas”, explica o diretor do Departamento de Urgência de São José dos Pinhais, Vilson José Ferreira de Paula.

Adrenalina

Para a radiologista Gisele Prats, a simulação faz subir a adrenalina. “Somente mantendo a calma que conseguimos socorrer outra pessoa”, explicou. “É um treinamento extremamente válido para algo que esperamos nunca ter que vivenciar”. Segundo a Infraero, 80 socorristas estão sendo formados neste curso. A maioria são profissionais que trabalham no aeroporto com diferentes formação e cargos.

Veja na galeria de fotos o treinamento.