Representantes do Sindicato dos Motoristas e Cobradores, de Curitiba e região metropolitana (Sindimoc) estão reunidos com a Urbanização de Curitiba (Urbs), nesta quarta-feira (21), para debater as reivindicações da categoria. O resultado da reunião será apresentado em assembléia marcada para a próxima sexta-feira (23).

Entre as reivindicações, a principal é o fim de repasses de multas aos trabalhadores, revisão da tabela de horários dos ônibus – consideradas impossíveis de cumprir – mais segurança, fim da escala 7×1 (trabalha sete dias e folga um) e melhorias nas condições de trabalho, especialmente nos tubos.

A categoria não exclui a possibilidade de greve, assunto que será discutido na próxima assembléia. Os trabalhadores pretendem dar um prazo de 72 horas para as empresas atenderem às reivindicações.