Deitos e representantes municipais durante vistoria.

A Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sema), por meio da Superintendência de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental (Suderhsa) iniciou os trabalhos de limpeza e desassoreamento de 32 km de rios e canais para evitar possíveis enchentes durante a temporada em Matinhos e Morretes.

O presidente da Suderhsa, Darcy Deitos, esteve no litoral, nesta terça-feira, para acompanhar o início das obras, que receberão investimentos de R$ 1,1 milhão do governo do Estado, e que deverão contemplar também os municípios de Guaratuba, Pontal do Paraná e Antonina. “Os municípios do litoral não recebiam investimentos em limpeza de rios e canais há quatro anos”, afirmou.

O canal dragado do Caraguaçu, em Matinhos, e os rios Pinto, Marumbi e Nhundiaquara, em Morretes, serão os primeiros a ser trabalhados. Os equipamentos utilizados foram locados da Codapar.

O prefeito de Matinhos, José Maria Correia, e o secretário de Obras, engenheiro Antônio Celso Ferreira, assim como o secretário de Obras de Morretes, Miguel Shimure Filho, e o engenheiro Paulo Costa Pinto, da Codapar, e o engenheiro-chefe do escritório da Suderhsa em Paranaguá, Éverton Luiz da Costa Souza, acompanharam o início das obras.

Lixo

A Suderhsa também será responsável, durante a Operação Verão Mais Limpo, pela coleta e transporte de lixo no litoral durante a temporada de verão 2003/2004, que terá início no dia 15 de dezembro deste ano e vai até o dia 29 de fevereiro do ano que vem. A coleta seletiva do lixo deverá ser feita em Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná, que são os principais balneários do litoral. As onze ilhas de Guaraqueçaba, no litoral norte, também terão auxílio da Suderhsa na coleta de lixo, que será feita pela empresa uma vez por semana.

No total, 360 pessoas deverão trabalhar na operação, apenas para limpeza das praias. A Secretaria do Meio Ambiente deverá disponibilizar ainda equipes para trabalhar a educação ambiental durante o verão.