Um adolescente de 17 anos foi apreendido nesta segunda-feira (22), suspeito de matar duas garotas em Cruz Machado, na região sul do Paraná. De acordo com a Polícia Civil, o garoto confessou os dois crimes. O motivo de um dos crimes, ainda segundo a polícia, seria uma paixão não correspondida. As duas garotas eram estudantes, e os três moravam próximos.

Camille, de 13 anos, desapareceu em dezembro de 2015, e Solange, que tinha 16 anos, sumiu em abril deste ano. Conforme noticiou a RPCTV, duas ossadas encontradas recentemente pela polícia – uma em julho e outra em agosto – podem ser das meninas.

Segundo a polícia, o garoto disse que matou Camille asfixiada porque ele gostava dela e não era correspondido. Já Solange – que ainda não ficou certo para a polícia como foi a morte – foi morta porque, ainda segundo o relato do adolescente durante a confissão, ele suspeitava que ela soubesse do crime.

A Polícia Civil continua investigando e ainda não sabe se ele agiu sozinho ou se outras pessoas tiveram participação nos assassinatos. Os ossos foram encaminhados a Curitiba, onde vão passar por exame de DNA para comprovar se são as garotas ou não.

Acesse o Painel do Crime, a mais nova fonte de informações sobre crimes em Curitiba e região