As chuvas localizadas e irregulares não darão trégua ao Paraná no último dia de 2015 e no primeiro de 2016. O tempo continua instável, com pancadas de chuvas ao longo de todo o dia. Segundo o meteorologista Tarcízio Valentin da Costa, do Simepar, a previsão é que todas as regiões do estado registrem chuvas com maior frequência durante a tarde. Apenas a região Leste, os Campos Gerais e o Litoral têm chance de as pancadas se estenderam até próximo da meia-noite.

“Serão chuvas fracas e esse cenário deve se repetir no primeiro dia do ano. Uma frente fria avança pelo Oceano. Enquanto estiver em níveis baixos e médios seguimos com ingresso de calor e umidade desde o Norte do Brasil”, afirmou Costa.

A sensação de calor e abafamento continua em todo o Paraná. A máxima prevista para o Litoral é de 32ºC nesta quinta-feira (31). A mínima será de 23ºC. Os termômetros marcarão entre 24º C e 28º C em 1.º de janeiro nas praias. Na capital, a temperatura varia entre 19ºC e 27ºC na quinta e entre 19ºC e 26ºC na sexta.

A rotina de chuvas no mês de dezembro, segundo ele, não é algo incomum, mas a presença do fenômeno El Niño fortaleceu essa situação.

O que é

O El Niño é um fenômeno natural que ocorre no Oceano Pacífico, perto da Linha do Equador, e faz com que a umidade ingresse de forma mais efetiva na atmosfera. O resultado é uma produção maior de nuvens e, consequentemente, de mais chuva. O fenômeno não tem calendário fixo e pode ocorrer, por exemplo, de forma intensa em um ano e passar outros três praticamente despercebido.

Como característica das chuvas deste verão está seu comportamento irregular. Isso significa dizer que choverá muito em determinados pontos de uma localidade e pouco em outro.