Foto: Chuniti Kawamura

Moreira Júnior: área de engenharia e tecnologia tem crescido.

O vestibular 2008 da Universidade Federal do Paraná (UFPR) terá mudanças no sistema de cotas, adotado há três anos pela instituição. Neste ano, os 20% das vagas reservadas às cotas para negros, que não têm sido inteiramente preenchidas nos últimos vestibulares, poderão ser ocupados por cotistas de escola pública, que também têm 20% do total de vagas.

Cerca de 10% das vagas foram o máximo ocupado por cotistas negros nos anos anteriores, de acordo com o reitor da UFPR, Carlos Augusto Moreira Júnior. Até então, o restante dessas vagas era destinado aos candidatos não-cotistas. Ao total, são 42.079 candidatos concorrendo a 4.144 vagas, 1.370 a menos que no ano passado. Desses, mais de 50% optaram por não fazer cursinho preparatório, número que vem crescendo nos últimos anos. No vestibular 2007, foram 48% e, em 2006, 30%.

Segundo Moreira Júnior, as áreas de engenharia e tecnologia têm crescido em função de boas oportunidades no mercado de trabalho, caso dos cursos de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia, Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção. ?No caso de Mecânica, a oportunidade de dupla diplomação que a UFPR mantém com a Universidade de Lyon, pela qual o aluno pode passar um ano na França, contribui para o aumento da procura?, acredita o reitor.

Já os cursos tradicionalmente muito procurados estariam estáveis, segundo o reitor. Nesse vestibular, os cinco cursos mais procurados são Medicina (29,44 candidatos por vaga), Publicidade e Propaganda (26,57), Direito – manhã (24,63), Arquitetura e Urbanismo (22,20) e Jornalismo (20,88).

Vagas noturnas

Ampliação de vagas no período noturno, principalmente na área tecnológica, é um dos objetivos da UFPR para o próximo ano. ?Temos claro que as pessoas precisam trabalhar durante o dia e estudar à noite. Do total das nossas vagas, apenas 23% têm a opção noturna, o que é muito pouco para uma universidade pública. Oferta de novos cursos também pode ser uma novidade para o ano que vem?, antecipou Moreira Júnior. São cerca de 6 mil novas vagas que podem ser criadas na UFPR, dependendo do Programa de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni).

Provas

A primeira fase do vestibular, com 80 questões objetivas sobre conhecimentos gerais, acontece em 18 de novembro. A lista de classificados para a segunda fase, que quando entra o sistema de cotas, será divulgada até 3 de dezembro. Para a segunda fase, haverá provas dias 9 e 10 de dezembro, de compreensão e produção de textos, além das provas específicas para cada curso.