Mais de 500 mil alunos do ensino superior participaram ontem do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) 2008 em todo o País. A previsão do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) era que, só no Paraná, 38,5 mil alunos fariam as provas, em 74 municípios paranaenses. Em Curitiba, foram 11 mil. Passam por avaliação 24.842 cursos de graduação de 2.367 instituições de ensino superior em todo o Brasil.

A União Nacional dos Estudantes (UNE) intensificou a campanha de boicote ao Enade, com a distribuição de panfletos nas entradas dos locais de prova. A UNE orientava alunos a entregar o teste em branco, já que o comparecimento do estudante convocado é obrigatório. Em Londrina, os alunos de Serviço Social não fizeram prova e o mesmo aconteceu em várias cidades do País.

Parte dos estudantes pode ter assumido essa postura. Mesmo com a informação de que os alunos só poderiam deixar o local de prova depois de uma hora e meia do início da aplicação (13h), em Curitiba, já podiam ser vistos alguns alunos deixando os locais de prova por volta das 14h. O exame tinha duração prevista de quatro horas.

Descaso

Segundo a aluna de biologia Adriana do Carmo Stanicheski, de 19 anos, dez minutos depois do início da prova já havia quem estivesse preenchendo o gabarito.

“Teve gente que nem fez questão de ler o conteúdo da prova e só preencheu o gabarito”, disse. Adriana, que levou duas horas para terminar o teste, relatou que o exame estava em um grau de dificuldade razoável.

Também estudante de biologia, Morgana Rodrigues de Souza, 26 anos, afirma que o Enade é importante para avaliar o grau de conhecimento dos estudantes que entram nas faculdades e dos que estão concluindo os cursos. “A gente pode selecionar mais fácil, pela qualidade, em qual faculdade quer entrar”, completou Zelinda Polli de Meira, 22 anos.

Ainda ontem, o Inep, que não informou o número de faltantes, divulgou os gabaritos oficiais das questões objetivas, que já podiam ser consultados no endereço do órgão na internet (www.inep.gov.br) desde as 19h.