O vereador José Carlos Chicarelli (PSDC) quer que a prefeitura comece a multar os clientes de prostitutas, travestis e outros profissionais do sexo em Curitiba. Na manhã de ontem, Chicarelli citou o incômodo causado aos moradores da Avenida Iguaçu e da Getúlio Vargas, mostrado pelo Paraná Online em reportagem publicada na semana passada.

Em um discurso exaltado, em que usou a palavra “putaria” pra se referir à situação, o vereador também propôs que sejam realizadas blitze com bafômetro na região. Segundo Chicarelli, o objetivo é impedir que algum homem embriagado seja enganado pelos travestis.

Em mais uma proposta controversa, o vereador pede que os travestis seja realocados para pontos mais distantes da cidade. Também pede que sejam oferecidas outras oportunidades de emprego para os transexuais. Chicarelli já havia causado polêmica em novembro, quando apresentou um projeto que tornaria obrigatório o cadastro de clientes em motéis.