Violência doméstica agora pode ser denunciada pela internet. A novidade, disponível no site da Delegacia Eletrônica da Polícia Civil, atende a um pedido da Procuradoria da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná. É possível notificar a ocorrência em todos os 399 municípios do estado. A expectativa é de que o boletim on-line sirva para diminuir a subnotificação de violência doméstica observada na atualidade no Paraná.

LEIA MAIS – Presos do Paraná rompem uma a cada cinco tornozeleiras instaladas

Segundo um relatório da Secretaria de Segurança Pública (Sesp) encaminhado para a Procuradoria da Mulher, houve uma queda de 22% nos registros de violência no estado em março e abril deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Isso justamente durante a pandemia de coronavírus e o isolamento social, que mantêm os parceiros mais tempo juntos.

É possível registrar boletim de ocorrência (B.O.) para casos de lesão corporal, ameaça, injúria, calúnia, difamação e contravenção de vias de fato cometidos contra mulher, nos termos da Lei Maria da Penha – em ambiente doméstico e familiar. A possibilidade de denúncia pela internet não exclui a opção de fazê-la presencialmente.

VIU ESSA? Médico com coronavírus que atendeu pacientes na RMC é denunciado

Para crimes graves como os sexuais ou tentativa de feminicídio, por exemplo, ainda será necessário ir até uma delegacia. Medidas Protetivas também seguem sendo solicitadas apenas presencialmente.


Precisamos do seu apoio neste momento!

Este conteúdo te ajudou? Curtiu a forma que está apresentado? Bem, se você chegou até aqui acredito que ficou bacana, né?

Neste cenário de pandemia, nós da Tribuna intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise. Bora ajudar?

Ao contribuir com a Tribuna, você ajuda a transformar vidas, como estas

– Pai vende vende 1000 bilhetes de rifa com a ajuda da Tribuna pra salvar o filho
– Leitores da Tribuna fazem doação de “estoque” de fraldas para quíntuplos
– Leitores se unem para ajudar catadora de papel de 72 anos

E tem várias outras aqui!

Se você já está convencido do valor de sua ajuda, clique no botão abaixo