O meio-fundista Antônio Delfino conquistou nesta quarta-feira a medalha de ouro nos 400 metros rasos dos Jogos Paraolímpicos de Atenas, categoria T46 (amputados de uma mão), e bateu o recorde mundial da prova com o tempo de 48s47 contra 48s72 do australiano Heath Francis e 49s53 do chinês Faqi Wu. Na segunda-feira, Delfino havia ganhado ouro nos 200 metros pela mesma categoria.

Com a medalha de hoje, o Brasil iguala o desempenho dos Jogos de Sydney. Após cinco dias de competição, o País já conquistou oito medalhas de ouro, quatro de prata e duas de bronze, o que o deixa na 10ª colocação no quadro geral.