O presidente da Sanepar, Stênio Jacob, e a diretora de Meio Ambiente e Ação Social da empresa, Maria Arlete Rosa, assinaram termo de parceria com o presidente do Conselho de Administração do Consórcio para a Proteção Ambiental da Bacia do Rio Tibagi (Copati), Reinaldo Gomes Ribeirete. Serão investidos R$ 27 mil, para que o Consórcio realize ações de educação socioambiental naquela bacia hidrográfica.

A parceria possibilita ao Copati, com sede em Londrina, dar continuidade às ações de educação ambiental com crianças, realizadas por meio do Programa Pingo D?Água. Somente neste ano, o Programa alcançou mais de 50 mil alunos da 4.ª série do ensino público. Cerca de 3 mil professores também foram capacitados em 25 municípios do Estado.

Os professores recebem um kit contendo manual do professor, cartilha do aluno e uma caderneta de campo. Educadores e alunos utilizam esse material nas aulas práticas, que são realizadas às margens do Rio Tibagi. ?É importante levarmos o conhecimento e a prática da conscientização às crianças?, comentou Ribeirete.

Para o presidente da Sanepar, são as crianças os melhores multiplicadores de ações socioambientais. ?A educação ambiental é um instrumento fundamental de conscientização. No futuro, essas crianças saberão dar a devida importância às ações de proteção da natureza?, completou. Maria Arlete Rosa disse que parcerias com essa são fundamentais para a proteção de nossos mananciais. ?O Rio Tibagi é um manancial de abastecimento público, portanto todas as ações de conservação são bem-vidas?, enfatiza a diretora.

A Bacia Hidrográfica do Rio Tibagi envolve 52 municípios, o que corresponde a 13% do território paranaense. Desses municípios, 44 são atendidos pela Sanepar, que tem o Tibagi como manancial de abastecimento público. O Copati desenvolve ações de educação ambiental, reflorestamento e preservação da fauna e da flora na Bacia Hidrográfica do Rio Tibagi.