Diante da liminar obtida pela ala governista do PMDB suspendendo a realização, no domingo, das prévias do partido para escolha do seu candidato à presidência da República, os partidários da candidatura própria decidiram fazer uma mobilização em Brasília. Os dois pré-candidatos, governador licenciado do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto, e ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho, decidiram abandonar a reta final da campanha nos Estados e se deslocar para Brasília. A idéia é fazer uma vigília cívica e política em favor das prévias.