Rio (AE) ? O Paysandu sofreu mais um revés na luta para fugir do rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série A. O clube paraense foi suspenso nesta segunda-feira pela justiça esportiva pelos incidentes ocorridos na partida contra a Ponte Preta, no dia 7 de setembro, no Estádio Mangueirão. Como punição terá de jogar as duas próximas partidas como mandante em outro estádio, com os portões fechados, além de pagar multa de R$ 100 mil.

Na oportunidade, a torcida do Paysandu atirou objetos contra o árbitro Wilson de Souza Mendonça, que relatou o fato na súmula. A equipe paraense terá de cumprir a pena nos jogos contra Figueirense, em 1 de outubro, e Coritiba, no dia 10.