Permanece grave o estado de saúde do deputado federal Miguel Arraes, presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro. Os médicos que atendem ao parlamentar, internado há 46 dias, no Hospital Esperança, informaram que ele precisou ser submetido a sessões de hemodiálise durante o final de semana, porque a função renal foi afetada por uma hemorragia que atingiu o pulmão esquerdo.

A pressão arterial do parlamentar vem sendo regulada com medicamentos. As últimas radiografias do tórax mostraram que o ex-governador está com os pulmões menos congestionados. Hoje (1º) Arraes será submetido a uma nova endoscopia digestiva. O exame é importante para que os médicos avaliem um sangramento provocado provavelmente por uma úlcera.

Ontem, a família de Arraes recebeu a visita do governador de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos, do PMDB. Jarbas afirmou que, apesar das divergências partidárias, foi prestar solidariedade a família e colocar o governo do estado à disposição para o que for necessário.