A Polícia Federal (PF) do Paraná prendeu hoje (11) dois suspeitos de integrar quadrilhas especializadas em roubo, receptação e desvio de cargas. Eles são acusados de distribuir as cargas roubadas na região de Joinville, em Santa Catarina. A captura faz parte da operação Asfalto Limpo, que, em nove dias, prendeu outros 17 suspeitos de integrar o esquema.

Segundo o chefe de comunicação da superintendência da PF no Paraná, Altair Menosso, as quadrilhas atuavam no Paraná, em Santa Catarina e no Mato Grosso.

Após adulterar documentos e chassis, eram enviadas carretas para o Mato Grosso, de onde seguiam para a Bolívia. No país, os veículos eram vendidos ou trocados por drogas. De acordo com Menosso, no Paraná e em Santa Catarina, as quadrilhas vendiam caminhões. Na região metropolitana de Curitiba e em Joinville, eram distribuídas as cargas roubadas e furtadas.