Na próxima semana, a Polícia Federal irá colher os depoimentos da sócia do publicitário Duda Mendonça, Zilmar Fernandes da Silveira, e da esposa do ex-presidente da Câmara dos Deputados João Paulo Cunha (PT-SP), Márcia Regina Cunha.

O nome das duas consta na lista entregue pelo empresário Marcos Valério à Comissão Parlamente Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios. A lista contém os nomes de pessoas que teriam sido indicadas pelo Partido dos Trabalhadores para receber recursos emprestados pelas empresas de Valério, a DNA e a SMP&B.

A pedido de Duda Mendonça, Zilmar da Silveira teria sacado R$ 15,5 milhões de fevereiro a novembro de 2003. Ela foi intimada nesta semana, mas alegou que estava viajando. O depoimento deve ocorrer na segunda-feira (8), em Brasília. A polícia também quer ouvir o publicitário, mas ainda não o intimou a depor.

Já Márcia Regina, junto com outra pessoa identificada na lista apenas como Silvana, teria sacado R$ 200 mil para o deputado João Paulo.