O senador José Jorge (PFL-PE) entregou há pouco, ao vice-procurador-geral da República, Roberto Gurgel, uma representação do PFL contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

No documento, o partido pede que o procurador adote providências para que o presidente devolva aos cofres públicos os valores gastos na viagem que fez esta semana a Pernambuco e ao Piauí, alegando que a única finalidade dela teria sido a de fazer campanha eleitoral.

De acordo com o partido, Lula cometeu abuso de autoridade, ao utilizar meios públicos para fazer propaganda eleitoral fora do prazo em Garanhuns, Pernambuco, e em Teresina, no Piauí. O documento é assinado pelo próprio José Jorge (PE) e pelos líderes do PFL no Senado, José Agripino (RN), e na Câmara, deputado Rodrigo Maia (RJ).