A Polícia Militar cumpriu, na manhã desta sexta-feira (19), em Guaratuba, seis mandados de busca e apreensão, que resultaram na recuperação de produtos furtados. Anderson da Silva, 30 anos, e David Alves Gonçalves, 23, foram detidos, acusados de receptação. Anderson, até então não tinha ficha criminal. Já David responde processo judicial pelo mesmo crime e já esteve preso uma vez. Foram recuperados aparelhos eletroeletrônicos, celulares, uma máquina de escrever, uma máquina fotográfica, roupas de neoprene e bebida. Além disso, com David os policiais encontraram maconha e dois cachimbos para fumar crack.

Uma das vítimas, marinheiro na cidade de Guaratuba, esteve na Companhia da PM em Guaratuba e confirmou que um dos aparelhos de DVD com o controle remoto, uma garrafa de espumante e um par de óculos foram levados de sua casa. ?Eu estava na igreja e quando voltei tinham levado os objetos. Ainda estou pagando o financiamento do DVD?, disse ele, que pediu para não ser identificado. O marinheiro recebeu de volta os produtos. Os demais objetos, juntamente com os dois detidos, foram encaminhados para a delegacia da Polícia Civil em Guaratuba, onde outras vítimas podem reconhecer os objetos.

De acordo com o tenente Luiz Carlos Martins da Silva, é importante que pessoas que eventualmente sejam vítimas de crimes contra o patrimônio registrem o boletim de ocorrência, nas delegacias da Polícia Civil. ?Com esse documento, onde há o detalhamento do material furtado, fica fácil saber a quem pertence quando temos prisões de receptadores?, disse ele. Esse procedimento, destacou, é necessário para resguardar a vítima. ?Além disso, se a pessoa tem informações sobre os ladrões, deve passá-las a polícia. Assim, a recuperação dos produtos se torna mais rápida e, com a prisão dos acusados, a tendência é diminuir este tipo de crime?, afirmou o tenente.

Arma

Em Matinhos, a Polícia Militar apreendeu, na manhã desta sexta-feira (19), um rapaz de 16 anos. Na noite anterior ele tinha sido denunciado por estar exibindo, na rua, no bairro Tabuleiro, um revólver calibre 22. O adolescente também estaria ameaçando as pessoas que passavam pelo local, que ligaram para o telefone de emergência 190 relatando o fato. A arma foi recolhida pelos policiais. Segundo moradores, o rapaz chegou a disparar a arma que, quando foi apreendida, estava sem munição. O adolescente foi levado para a delegacia da Polícia Civil para lavratura do termo de ato infracional.

Mandado

Um homem de 66 anos foi preso na última quinta-feira (18) em Matinhos pela Polícia Civil. Contra o aposentado Jair Vicente havia um mandado de prisão em aberto, datado de 2004. A acusação é de crime de furto, no ano de 2001. As equipes policiais que atuam na cidade foram informadas desta pendência e localizaram o acusado, que no momento da prisão conversava com taxistas nas proximidades do Hospital Nossa Senhora dos Navegantes. ?Trata-se de uma prisão que tem como objetivo auxiliar na aplicação da Justiça?, disse o delegado José Tadeu Bello.