Arquivo / O Estado
Arquivo / O Estado

Vargas: mantido no cargo.

Quatro dias depois da eleição, realizada no domingo, dia 18, o diretório estadual do PT divulgou o resultado da disputa no Paraná. O deputado estadual e atual presidente do partido, André Vargas, representante do Campo Majoritário do PT, foi confirmado para mais um mandato com 55% dos votos. Dos 50 mil filiados aptos a votar, 17.178 compareceram às urnas, o correspondente a um quórum de 34,57%. O quórum mínimo para validar a eleição era de 15%.

Como ainda faltava totalizar os votos de algumas cidades ontem no final da tarde, que não alteram o resultado final, o boletim divulgado pelos partido em seu site não exibia os números de votos alcançados pelo candidatos. Apenas percentuais.

O resultado oficial, segundo o site, será divulgado somente no dia 29 de setembro, após uma reunião da executiva estadual, em Curitiba. Ainda conforme o site do partido, o prazo para apresentação de recursos contestando os resultados termina hoje, dia 23.

Em segundo lugar na disputa pela presidência do partido ficou o deputado federal Dr. Rosinha, da tendência Democracia Socialista, com 17% dos votos. Na terceira posição ficou o ex-prefeito de Maringá João Ivo Caleff, da tendência Movimento PT, que obteve 12% dos votos. O deputado estadual Tadeu Veneri, independente, contabilizou 9% dos votos do Estado, seguido pelo vereador de Cascavel, Adherbal Mello, também independente, com 6%, e o professor da rede pública estadual, Alfeo Capellari, da corrente O Trabalho, o Cafuringa, com 1%.

Diretório

A votação das chapas para o diretório mostrou que Vargas também abocanhou a maioria das vagas para o diretório estadual. A chapa apoiada por Vargas conquistou 31 das 55 vagas do diretório. O grupo de Rosinha fez oito vagas. A chapa de Caleff, que teve o apoio do secretário estadual do Trabalho, Roque Zimermmann, ficou empatada com a chapa de Veneri, com seis representantes no diretório. O vereador Adherbal conquistou três vagas e a chapa do professor Cafu obteve uma vaga.