O ministro das Comunicações e ex-presidente do PT, Ricardo Berzoini, afirmou nesta terça-feira, 5, que acredita que a bancada petista fechará questão em favor da Medida Provisória 665, prevista para ser votada hoje no plenário da Câmara. “Acho que o PT vai acompanhar (o relatório a favor da matéria)”, disse Berzoini na chegada a uma nova reunião do partido que decidirá a posição da bancada.

Mais cedo, um encontro do PT foi suspenso diante da falta de acordo entre os deputados sobre a matéria. Os petistas deram a justificativa pública para suspender a reunião de falta de um quórum expressivo de deputados da bancada e o início da reunião do colégio de líderes.

Berzoini disse que o que está em discussão são questões meramente políticas e que o partido, quando tomar uma decisão, será acatada por todos. Questionado se os deputados petistas poderiam rejeitar alguns pontos da própria MP, como o prazo de carência para a requisição do seguro-desemprego, o ministro disse que não.