Divulgada ontem, a pesquisa Vox Populi encomendada pela rádio Banda B aponta a reeleição do prefeito Jota Camargo (PSC) na prefeitura de Colombo, na Região Metropolitana.

Segundo a pesquisa, o atual prefeito venceria a eleição com 49% das intenções de voto, contra 32% de sua única adversária, a deputada estadual Beti Pavin (PMDB). Brancos e nulos somariam 7% dos votos e 12% ainda estão indecisos.

A pesquisa também avaliou a rejeição dos dois candidatos. Segundo o Vox Populi, 36% dos eleitores não votariam em Beti Pavin, enquanto 23% rejeitam Jota Camargo.

A pesquisa foi registrada na 49.ª zona eleitoral de Colombo sob o número 871/2008. Foram entrevistadas 500 pessoas entre os dias 20 e 22. A margem de erro é de 4,4 pontos percentuais.

A avaliação do prefeito também foi questionada pelo Vox Populi. Quatorze por cento dos entrevistados classificaram a gestão como ótima, 42% consideraram boa, 27%, regular, 7% consideraram ruim e 8%, péssima.

Outro dado apurado pelo Vox Populi é se o apoio de personalidades como o presidente Lula (PT), o governador Roberto Requião (PMDB) e o prefeito de Curitiba, Beto Richa (PSDB) influenciaria a decisão de voto do eleitor de Colombo.

Cinqüenta e três por cento dos entrevistados declararam que o apoio de Beto Richa aumentaria sua vontade de votar em algum candidato, enquanto para 6% diminuiria.

No caso do presidente Lula, 36% se influenciariam por seu apoio na hora de escolher em quem votar, enquanto para 13% a vontade de votar em alguém apoiado por Lula diminuiria. Já o apoio do governador Roberto Requião é visto como positivo para 28% dos eleitores e 20% consideram negativo.

O candidato à reeleição, Jota Camargo, tem o apoio do PT do presidente Lula e do PSDB do prefeito curitibano Beto Richa, que, inclusive, participou de carreata promovida pela campanha de Camargo no último final de semana. Enquanto Beti Pavin conta com a presença do governador Roberto Requião em seu palanque.