É falsa a capa da revista Veja que trata de uma suposta fraude em urnas eletrônicas es está circulando nas redes sociais, principalmente em grupos de Whatsapp. A imagem tem como manchete um texto que diz “Bomba! Gerardo de Icaza, diretor da OAE, admitiu negociação para fraudar urna eletrônica e colaborar com o PT” e tem como data de publicação o dia 25 de setembro. Além disso, traz um segundo destaque, que diz: “Fernando Haddad diz ter sido enganado e convoca reunião urgente com líderes do partido”.

No entanto, a edição desta semana da revista, publicada, na verdade, no dia 26 de setembro, traz como manchete o seguinte texto: “Especial 50 anos – 1968-2018: Veja nasceu na ditadura, floresceu na democracia – e chega cinco décadas de vida pronta para continuar a zelar pelo regime das liberdades”. Já o segundo destaque diz: “Agora, Bolsonaro e Haddad querem o voto de centro”. Todas as capas da Veja são publicadas no site da publicação.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Houve fraude mesmo?

Além disso, declarações recentes de Gerardo de Icaza vão exatamente no sentido oposto do que a suposta manchete da Veja indica. Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo ainda nesta semana, o especialista da Organização dos Estados Americanos (OEA), diz que “não há motivo para desconfiar da urna eletrônica”.

Capa falsa da revista Veja que circula nas redes sociais. Foto: Reprodução/Whatsapp
Capa falsa da revista Veja que circula nas redes sociais. Foto: Reprodução/Whatsapp

Sandy fala em Curitiba que apoia Jair Bolsonaro. É Fake News?