Cerca de seis mil pessoas – segundo a Polícia Militar – participam neste momento dos protestos em São José do Rio Preto. Os manifestantes se reuniram em frente do prédio da Prefeitura, na avenida Alberto Andaló, onde os organizadores discursaram pedindo a renúncia e o impeachment da presidente à Dilma e criticaram o PT.

A PM fez operações nas proximidades para cumprir a determinação da Justiça, que proibiu que menores de 16 anos participassem dos protestos desacompanhados dos pais ou responsáveis. Nenhum menor havia sido encontrado até as 11 horas.

A passeata foi a que reuniu menos pessoas entre os protestos a favor do impeachment desde o começo do ano. A primeira, em 15 de março, segundo a PM, teve 11 mil pessoas; a segunda, em 12 de abril, 9 mil. Hoje, segundo a PM, reuniu entre 3 mil e 6 mil pessoas.

Nenhum político de expressão compareceu ao evento, apenas vereadores da cidade. O senador Aloysio Nunes decidiu participar do protesto em Brasília e o deputado federal Vaz de Lima, ambos do PSDB, participa da manifestação na capital paulista.