A esposa do ex-deputado Eduardo Cunha, Cláudia Cruz desembarcou no aeroporto Santos Dumont, no Rio, mo início da tarde desta quinta-feira (20). Ela não falou com a imprensa. Cláudia seguiu para a casa do casal na Barra da Tijuca.

Ela não foi hostilizada no aeroporto, diferente do que ocorreu com Cunha há uma semana, quando foi hostilizado no mesmo local. Cláudia Cruz disse apenas que ia ver os filhos, mas não comentou nada sobre a prisão de Eduardo Cunha. Questionada se iria visitá-lo, limitou-se a fazer um sinal positivo.

Em breve, Cláudia Cruz também será ouvida pelo juiz federal Sérgio Moro. Serão tomados depoimento de quatro réus da Lava Jato, dentre eles a mulher de Cunha. Os depoimentos dos réus começam no dia 9 de novembro. Ela responde pelos crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Segundo as investigações, Cláudia Cruz foi favorecida, por meio de contas na Suíça, de parte de valores de uma propina de cerca de US$ 1,5 milhão recebida pelo marido. Em agosto, Moro aceitou o pedido da defesa de Cláudia para que fosse devolvido o passaporte dela que estava retido com a Justiça.

claudia-cruz
Cláudia Cruz chegou hoje ao Rio de Janeiro para visitar os filhos./Foto: Reprodução/Rede Globo