Átila Alberti
Átila Alberti

Segundo o STF, o acúmulo de
funções impede a continuidade
de Delazari no cargo.

Em nota divulgada na tarde desta segunda-feira (6), o secretário de segurança do Paraná, Luiz Fernando Delazari, informou que deve deixar o Ministério Público Estadual.

Delazari foi notificado a deixar o cargo no governo do Estado em razão de uma liminar expedida, na última sexta-feira, pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Segundo o ministro relator Ricardo Lewandowski, o secretário deve ter a suspensão do decreto de sua nomeação devido ao acúmulo de funções, uma vez que ele é também promotor de justiça do MP.

O secretário, entretanto, afirma que deve atender à determinação do Supremo.

A nota segue na íntegra:

?Em respeito ao Judiciário, a liminar será imediatamente cumprida e o decreto de nomeação, suspenso. A decisão liminar não é retroativa, portanto não anula atos pretéritos à frente da SESP.

A Procuradoria Geral do Estado entrará com recurso contra a medida, no próprio STF.

Já informei ao governador Roberto Requião que pedi desligamento imediato do Ministério Público Estadual.?

Luiz Fernando Delazari