O deputado João Rodrigues (PSD-SC) foi flagrado na última quarta-feira (27) assistindo um vídeo pornográfico enquanto acontecia a sessão plenária na Câmara em Brasília. A imagem foi divulgada pelo SBT e causou revolta em todo o Brasil. Mas o parlamentar tentou jogar a culpa em seus ‘amigos’ do WhatsApp.

“Nesses grupos do WhatsApp que tenho, todo mundo tem, tem muitos amigos que mandam sacanagem”, tentou se justificar Rodrigues em entrevista ao jornal Folha de São Paulo. Ele é ex-radialista e também já foi prefeito de Chapecó (SC).