O desembargador Miguel Kfouri Neto assume hoje a presidência do Tribunal de Justiça do Paraná. A posse acontecerá às 17h, no 12º andar do Edifício Anexo ao Palácio da Justiça.

Miguel Kfouri Neto atenderá à imprensa às 16h, no 11º andar do Edifício Anexo, juntamente com os integrantes da nova cúpula diretiva do Tribunal de Justiça, mais o desembargador Henrique Nelson Calandra, presidente da Associação dos Magistrados do Brasil (AMB).

A nova cúpula do TJ/PR é integrada pelo presidente Miguel Kfouri Neto; pelo 1º vice-presidente, desembargador Onésimo Mendonça de Anunciação; pelo 2ª vice-presidente, desembargador Ivan Campos Bortoleto; pelo corregedor-geral, desembargador Noeval de Quadros e pelo corregedor, desembargador Lauro Augusto Fabrício de Melo. Eles foram eleitos em 19 de novembro de 2010 para o biênio 2011/2012.

Kfouri foi eleito presidente do Tribunal de Justiça do Paraná num pleito que decidido no segundo turno contra o desembargador Sérgio Arenhart. Ao todo, 120 desembargadores votaram na eleição que determinou quem será o novo presidente do TJ-PR.

Kfouri Neto recebeu 59 votos no segundo turno e Arenhart teve 51. Entre os desafios a serem enfrentados pelo novo presidente está encontrar soluções para os problemas apontados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Relatórios recentes do CNJ revelam que o TJ-PR teria poucos funcionários para atender à atual demanda; possuiria irregularidades na folha de pagamento e pagaria baixos salários. O CNJ apontou 113 problemas no TJ-PR.