Foram publicadas nesta sexta-feira (5) no Diário Oficial da União as indicações para a diretoria do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). São sete os indicados que deverão ser sabatinados em comissão no Senado e depois aprovados em plenário.

São eles: Jorge Ernesto Pinto Fraxe (diretor-geral), Tarcísio Gomes de Freitas (diretor-executivo), Mário Dirani (diretor de infraestrutura ferroviária), Roger da Silva Pêgas (diretor de infraestrutura rodoviária), Paulo de Tarso Cancela Campolina de Oliveira (diretor de administração e finanças), José Florentino Caixeta (diretor de planejamento e pesquisa) e Adão Magnus Marcondes Proença (diretor de infraestrutura aquaviária).

Provisoriamente, o Dnit está funcionando com uma diretoria “excepcional e transitória”. O esvaziamento do órgão foi provocado pelas denúncias de superfaturamento e de suposto esquema de cobrança de propina que levaram à demissão o então ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, e mais 20 funcionários.