Às vésperas do fim do prazo para que os partidos registrem as candidaturas junto aos Tribunais Eleitorais, o PMDB do Rio anunciou a substituição do vice na chapa de Luiz Fernando Pezão, que concorre ao governo do Estado. Quem irá dividir o palanque com Pezão será o senador do PP Francisco Dornelles.

Dornelles entra na chapa no lugar do deputado estadual Felipe Peixoto, do PDT. A mudança foi decidida hoje, diante da insistência do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, em lançar-se candidato de maneira avulsa ao Senado. Lupi não concordou com o lançamento do nome do ex-prefeito do Rio César Maia (DEM) para candidato a senador, após a desistência de Sérgio Cabral (PMDB). A discordância culminou hoje na saída do PDT da coligação de Pezão.