O PSDB do Paraná, em nota oficial divulgada ontem, informou que o partido e o governador Beto Richa vão ingressar na Justiça com ações pra pedir reparação contra as declarações do empresário Adilio Benitez. Em depoimento ao Gaeco, o empresário disse ter ouvido do auditor da Receita Estadual Jorge de Oliveira Santos, denunciado à Justiça por pedir propina pra não autuar Benitez, que o dinheiro iria pro fundo de campanha da reeleição de Richa.

“Todas as doações recebidas pela campanha de reeleição do governador Beto Richa foram declaradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral”, diz o texto, assinado pelo presidente estadual do PSDB, o deputado Ademar Traiano. O PSDB ainda diz que Richa e o partido não têm e nunca tiveram qualquer relação com Benitez e com nenhuma das pessoas citadas por ele em depoimento ao Gaeco.